About Us

Company History

A Nacional Brokers Lda foi a primeira corretora a registar-se em Moçambique na fase inicial de privatização em 1994. Nos quatro anos anteriores a esta, o Director-Geral tinha trabalhado numa capacidade não oficial para várias empresas locais.

Durante 1993/1994, o setor de seguros foi finalmente privatizado, permitindo que os corretores de seguros solicitassem o licenciamento. Apesar da autorização, só pudemos abrir oficialmente nossos escritórios em fevereiro de 1996.

Durante este período de tempo, duas Seguradoras receberam licenças e o mercado consistiu em três companhias de seguros e uma Corretora de Seguros.

Professional Indemnity Insurances

Atualmente, estamos segurados no Lloyds ‘através de uma companhia de seguros local para esse risco além dos requisitos legais.

Infrastructure

Temos uma base nacional de clientes, mas uma forte concentração de negócios e gestão de empresas no sul de Moçambique.

Systems

Nossa empresa conta com um sistema Microsoft, que é conectado em rede ao servidor principal para todos os seguintes aspectos de nossos negócios:

  • Citações
  • Horários
  • Instruções de fechamento
  • Gestão diária e sistemas diários
  • Subscrição

Sistemas contábeis e de faturamento
Nosso serviço de internet é via cabo, pois usamos isso extensivamente para comunicação diária e é o mais confiável. Podemos acessar um dos sistemas de subscrição e contas da Seguradora para garantir que a documentação esteja correta.

Devido à natureza única dos negócios em Moçambique, ainda não é possível operar em um único sistema.

Management and Shareholding

A Nacional Brokers é uma empresa independente com participação privada. A equipe de gerenciamento consiste em: Diretor Gerente – Jeannette McHardy, (FCII) Londres. Contas e Recursos Humanos – Amina Aboobakar. Gestão de Portfólio de Clientes – Paula Silva. O diretor administrativo está na empresa desde o início das operações iniciais. Jeannette McHardy trabalha no setor de seguros há vinte e seis anos. Ela qualificou-se como um FCII em 1986, enquanto trabalhava como um executivo de contas na Divisão Anglo de First Bowring (agora Marsh). Temos vinte funcionários que lidam com clientes alocados em seu portfólio. Eles gerenciam todos os aspectos da conta, incluindo reivindicações. Todo o trabalho é monitorado diariamente pelo Gerente do Cliente e pelo diretor. Auditorias técnicas são realizadas mensalmente. Há falta de pessoal qualificado no mercado local, já que o seguro não foi considerado uma necessidade por muitos anos. Como resultado, a indústria de seguros não se manteve atualizada com as tendências e desenvolvimentos internacionais.

Devido à diferença nos métodos de tecnologia de seguros, nossa equipe é treinada internamente e frequenta cursos ministrados por escritórios locais das Seguradoras Sul-Africanas. Os funcionários têm alguma qualificação de seguro sul-africano e também estão estudando para os exames do IISA.

Para complementar ainda mais os serviços que oferecemos aos nossos clientes, fazemos uso de um consultor internacional de gerenciamento de riscos para levantamento e gerenciamento de riscos, pois não há empresas com essas habilidades necessárias localmente. Se necessário, assistência técnica adicional é fornecida pela Willis / Gras Savoye.